2a Parte – Guia Definitivo para o SEO em 2018

Na primeira parte desse guia vimos a importância do RankBrain para um melhor posicionamento de posts e páginas do site em 2018. Agora, nessa 2a parte do Guia Definitivo para o SEO em 2018 vamos dar continuidade as melhores estratégias para o alcance do nosso objetivo, que é estar na 1a página, de preferência na primeiríssima posição.

#2. Seja um mestre da taxa de cliques

Como enfatiza Brian Dean, você precisa ser um mestre das taxas de cliques.

Primeiro por causa do RankBrain, mas também por

Isso:

Guia Definitivo para o SEO

E isso:

E mais todos esses:

Guia Definitivo para SEO em 2018

De acordo com esse estudo, a taxa de cliques caiu em 37% desde 2015.

As imagens acima são a razão do porquê isso vem acontecendo.

O Google está entupindo a primeira página com anúncios e respostas as perguntas dos usuários em formas de snippets.

Ou seja, imagens que respondem de forma resumida e pragmáticas as respostas buscadas.

E para se destacar, seu título precisa gritar “Clique em mim” para que isso aconteça efetivamente. Ou você será ignorado.

No vídeo abaixo Brian ensina como aumentar sua taxa de cliques:

Basicamente ele fala como usar o “Método Magnético da Taxa de Clique”.

  • Primeiro passo – Encontre Anúncios do Adwords para suas palavras-chaves ou palavras relacionadas;
  • Segundo passo – Inclua palavras e frases dos anúncios do Adwords no seu título e na tag de descrição;
  • Terceiro passo – Obtenha mais cliques.

O vídeo explica o método de modo detalhado. Mas a ideia geral é que o Adwords gasta milhares de reais e testes para usar a melhor otimização possível.

Então, acrescentar palavras-chaves que o Adwords está trazendo no título e na tag fará com que você tenha mais cliques e tráfego orgânico.

Uma outra técnica matadora é adicionar aos seus títulos e tags palavras poderosas caso você não tenha encontrado nada de interessante na sua pesquisa do Adwords:

Hoje

Agora mesmo

Rápido

Funciona rapidamente

Passo a passo

Fácil

Imediato

Simples

Como todas essas palavras e frases enfatizam resultados rápidos, a taxa de cliques melhora significativamente porque as pessoas são impacientes e procuram por resultados fáceis e rápidos.

#3. Conteúdo amplo e em profundidade sai na frente

Antigamente os robôs do Google visitavam sua página para analisar quantas vezes determinada palavra-chave aparecia e se ela estava nos lugares corretos como:

  • Título
  • URL
  • Alt Text da imagem
  • Tag de descrição
  • Tag H1

Hoje em dia, o Google ainda busca por isso.

Só que hoje em dia, ele é MUITO mais esperto do que ele costumava ser.

Então, ao invés de buscar apenas por conteúdo, ele busca por contexto.

O que isso signfica?

O Google sempre busca trazer o melhor resultado para uma busca.

Antes significa um texto lotado da mesma palavra-chave. Hoje não mais.

Hoje ele busca trazer o texto que tenha um conteúdo amplo e em profundidade sobre um assunto. De preferência tudo sobre aquele tema.

Ele quer ajudar com que a pessoa que buscou a palavra-chave/ termo, ache tudo ali. É o que ele chama de one stop shopping (uma parada de compra).

Os estudos de Brian comprovam que textos em profundidade rankeiam melhor no Google.

Como escrever conteúdos Amplos e em Profundidade:

#1. Mais de 2.000 palavras

Escreva conteúdos com mais de 2.000 palavras. Essa quantidade de texto é profunda o suficiente para que o Google entenda que você está cobrindo tudo sobre determinado assunto.

#2. Use palavras-chaves LSI no seu conteúdo

Comooo? LSI? O que é isso?

Calma.

LSI é a sigla para Latent Semantic Index

Isso apenas significa que são palavras semanticamente semelhantes a palavra-chave em foco.

Elas são palavras e frases que são associadas a sua palavra-chave e devem estar ao longo das 2.000 palavras que você escrever.

Ele dá como exemplo uma pessoa que esteja buscando por Dieta Paleolítica.

Os termos LSI associados seriam:

  • Nutrição;
  • Dieta da caverna;
  • Perda de peso;
  • Receitas;
  • Grãos.

Tudo isso indica para o Google que você fala de modo abrangente sobre esse assunto e quem ler vai ficar satisfeito.

Existem algumas formas de você encontrar essas palavras.

Uma delas é usando essa ferramenta gratuita:

Guia Definitivo de SEO para 2018

No resultado acima eu busquei a palavra-chave Moda 2018 supondo que eu fosse escrever um post sobre esse assunto.

A ferramenta traz várias outras que são associadas a ela.

É importante frisar que essa ferramenta é estrangeira. Então, é preciso fazer alguns ajustes.

Além de trazer resultados em português, ela traz em espanhol, que pode ser adaptado para o português. Mas mais do que isso, ela traz resultados ligados a esses países como moda na Europa.

Mas no nosso caso, poderíamos usar também:

  • Tendências de moda 2018
  • Moda verão 2018

E outras que estivessem ligadas ao tema devem aparecer no nosso texto.

Você também pode buscar sua palavra-chave no Google e ir até as Pesquisas relacionadas (fica no final da página da busca):

Guia Definitivo para o SEO em 2018

E por fim, você pode procurar no Google Keyword Planner, que é também um dos lugares para buscar sua palavra-chave.

Detalhe, você precisa estar cadastrado. Em outro post, falo mais como fazer a busca da palavra-chave.

Mas aqui no caso, você insere com a palavra-chave como abaixo:

Guia Definitivo para o SEO em 2018

Depois que clicar “Obter ideias”, você encontra muitas palavras relacionadas:

Guia Definitivo para o SEO em 2018

Bom, esse é o fim da 2a parte do Guia Definitivo para o SEO em 2018.

Fique ligado porque terá muito mais na 3a e 4a parte.

Trago a próxima  parte semana que vem.

E você já aplicou as estratégias da 1a Parte desse Guia?

O que achou?

Opt In Image
Inscreva-se e baixe o e-book.
São 16 páginas com dicas práticas para aumentar seu tráfego!

33 Comments

Deixe uma resposta

Quer ir direito ao ponto? Experimente a consultoria.Saiba Mais.
+ +

Baixe o e-book do Pinterest
no seu e-mail

11 dicas surpreendentes para aumentar seu tráfego massivamente com o Pinterest

Obrigada por inscrever-se.

Alguma coisa deu errado.